As 10 Classes Gramaticais da Língua Portuguesa

Tempo de leitura: 2 minutos

Classes Gramaticais

Para compreendermos o papel que as palavras desempenham no processo da comunicação, costumamos separa-las em classes, denominadas classes de palavras ou classes gramaticais. Existem, na língua portuguesa, 10 classes gramaticais: substantivo, adjetivo, artigo, numeral, pronome, verbo, advérbio, preposição, conjunção e interjeição.

A classificação das palavras em português é feita com base em mais de um critério. Pensemos numa possível definição de adjetivo:  “palavra variável em gênero numero e grau que caracteriza o substantivo atribuindo-lhe qualidade, estado ou modo de ser”.

Quando se diz que o adjetivo atribui qualidade, estado ou modo de ser, o critério considerado é o semântico (que leva em conta o sentido, o significado). Quando se diz que o adjetivo é a palavra que caracteriza o substantivo, o critério adotado é o sintático (que leva em conta a função), ou seja, define-se o adjetivo segundo sua relação com o substantivo. Quando se diz que o adjetivo é a palavra variável em gênero, numero e grau, o critério adotado é o morfológico (que leva em conta a forma).

Aqui falo um pouco mais de cada uma das classes gramaticais.

Artigo:

artigo

É a palavras que precede o substantivo, indicando-lhe o gênero e o numero. Tem também a função de especificar ou generalizar o substantivo. Exemplo: O, A, Os, As.

Substantivo:

O substantivo ou nome é uma classe de palavras variável com que se designam ou se nomeiam os seres em geral (pessoas, animais e coisas). Exemplo: Maria, Liberalismo, Cachorro.

Pronome:

É a palavra variável em gênero, numero e pessoa que representa ou acompanha o substantivo, Indicando a sua posição em relação às pessoas do discurso ou situando-o no espaço e no tempo. Exemplo: Eu, Nós, Aquele.

Adjetivo:

É a palavra variável em gênero, numero e grau que caracteriza o substantivo, indicando-lhe qualidade, estado, modo de ser ou aspecto.

Verbo:

são palavras que expressam ações ou estados. Exemplo: Fazer, Matar, Partir.

Advérbio:

são palavras que acompanham os verbos, dando-os sentido. Exemplo: Não, Sim, Nunca.

Preposição:

são palavras que ligam outras palavras, a fim de relaciona-las. Exemplo: De, Por, Com.

Numeral:

são palavras que expressam quantidades numéricas. Exemplo: Um, Dois, Triplo.

Conjunção:

são palavras que relacionam e ligam orações, exercendo sentido de subordinação ou coordenação. Exemplo: Portanto, Entretanto, Pois.

Interjeição:

são palavras que expressam sentidos, sensações e estados. Exemplo: Ave Maria! Uau! Ah!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *